segunda-feira, 25 de março de 2013

De mim...pra você


De onde estiver, saiba que eu sempre estarei com você.
Não existe distância, não existe limite, o que nos cerca é apenas um sentido...único.

Descobrimos tantas coisas em comum, chega a bater no peito tal sintonia que chegamos até a duvidar que tal olhar pode ser uma breve e singela piscadela para o destino...se cruzando afinal.

Mais eis que a sinergia se faz, quebrando e reverberando todos os lados de um mesmo ambiente, como é possível tais cores e movimentos em uma mesma pessoa?  
Surpreendentemente encantador, intenso e verdadeiro.
Assim descobrimos não somente uma pessoa, mais um espelho diante de nós.

De mim..pra você.
Para você..e por mim.
Assim como as peças de um eterno quebra cabeça, teremos uma vida inteira para encaixarmos as peças..nos preenchermos.

Mas assim como toda essa certeza que arrebata, cala-se diante do óbvio: nos desconcertamos, queimamos os sentidos, impulsionamos palavras insensatas,nos proporcionamos sorrisos alargados...verdade seja dita que a alma se liberta do corpo, flutua e nos possibilita uma visão de algo maior.

Sempre mais...é o que estamos em busca.

É preciso compreender que a felicidade não é uma perfeição, muitas vezes ela é uma questão de ousadia, não podemos pensar demais para fazer a coisa certa. Nosso coração é corajoso...nossa mente é que guarda o conhecimento do medo. Com nosso coração entramos em todos os lugares, o medo faz você prever o futuro...nos paralisa.

Talvez por isso, somos hoje um resultado palpável..completos e insensatos um para o outro, uma espécie viva e declarada de amor incondicional.

Saiba que os ventos que as vezes tiram algo que amamos, são os mesmos que tazem algo para aprendermos a amar. Por isso não devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim aprender a amar o que nos foi dado, pois tudo o que é realmente nosso, nunca se vai para sempre.


Quando se ama não é preciso compreender o que se passa lá fora, pois tudo passa a acontecer dentro de nós.

Um comentário:

Deixe seu registro...