sábado, 26 de fevereiro de 2011

O MENSAGEIRO DO MILAGRE

Perda é um sinônimo humilde para saudade...

De sentimentos puros e profundos que jogamos ao vento esperando um arco de luz...

De infinitos sonhos que jogamos para o destino, evocando acontecimentos ímpares...

De cruciais palavras que nos aguarda ao final de uma jornada cumprida.

A vida é mesmo um presente para aquele que soube o real e ímpar significado de estar presente e de frente para ela. Tudo que conhecíamos torna-se plural, pois a partir de hoje seremos singulares para o resto de nossos dias.

A felicidade que realizamos será uma lembrança diante de tudo que ainda está por vir, assim disse nosso mensageiro.

A beleza da vida será uma inesgotável fonte de inspirações…

Não será apenas viver, mas certamente estar presente.

Saudações, sorrisos, cumprimentos, abraços - energia que renasce e se renova.

O milagre que perpetuas hoje é o reflexo de um brilho sem fronteiras, plantado em nossos corações como grandes e perpétuas raízes. Felizes de nós que fizemos parte de sua jornada, onde pudemos aprender o verdadeiro significado da palavra amizade e perseverança.

Que nossos corações continuem se emocionando e que juntos possamos cumprir o traçado infinito que deixaste sobre nossa trilha.

E como dizia Fernando Pessoa:

Tenho em mim todos os sonhos do mundo..

Assim ensinou, assim mostrou, assim aconteceu .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu registro...