sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Horizonte


"Vivemos todos sob o mesmo céu, mas nem todos temos o mesmo horizonte"

Gosto de pensar que caminhas com o dia, com o suor das horas quentes e, acompanhas o cansaço dos fins de tarde... anunciando que por hoje é só.
Gosto de pensar que segues, passo a passo, a alegria da humanidade quando sentem que criaram, produziram, geraram, fizeram o mundo melhor, mais justo, mais bonito, mais rico, mais irmão.

E eu começo agora esta jornada, pensando nisso tudo e apenas agradeço. Agradeço porque acompanhas nossos dias, com seus prantos, seus clamores, seus gritos de dor e não deixas nenhum deles acontecer em vão.

Agradeço porque caminhas conosco as nossas horas e Te ris, assim, alegre e deslumbrando, com nossas vitórias, as superações das dificuldades, as derrotas, mesmo sutis, das injustiças, a inexpugnável, a rebrotante esperança ; a noite que repousa os homens e recria as miúdas e sempre novas alegrias da vida.

Liberdade de voar num horizonte qualquer, liberdade de pousar onde o coração quiser.
Assim se faz, assim é.

2 comentários:

Deixe seu registro...