segunda-feira, 29 de junho de 2009

Transparência efetiva

Inúmeros capítulos se passaram desde minha última postagem.
Novos rumos, novas oportunidades e a cada retorno uma postura diferente.
Para que as palavras cheguem a um destino, se faz necessário empregar uma boa dose de transparência de idéias, uma conclusão satisfatória e o melhor, um direcionamento eficaz.
Comunicação se faz com bons argumentos.

Independente de suas escolhas, você é efetivo em suas mensagens?

Para que elas não passem desapercebidas, nelas precisam conter muito mais que boas expressões, é preciso empregar o seu diferencial criativo. Boas palavras, bons temas, criar o impulso inicial que motivará outras pessoas a lerem e a passarem adiante.
Efetivamente a criação deve ultrapassar o limite da razão contextual e criar um laço permanente de desejo. Caso você desperte o interesse, acredite, isso fará você encontrar um foco e não se perder no que de fato quer passar. 
É preciso concentração e otimismo, sempre!

Se a sua intenção para vender uma mensagem é o de atingir o maior número de pessoas, cerque o contexto e crie uma ambiente favorável.
Criar um ambiente favorável significa se aprofundar, cercar-se de conhecimento e aprender com infinitas possibilidades e responsabilidades.

Quando penso em escrever, me vem a mente um caminhão de idéias. Um turbilhão de pensamentos que me remetem a faculdade quando ainda não sabia onde era de fato meu lugar, meu espaço que mais tarde viria a constatar ser próximo a uma tela e a milhões de motivos, livros e revistas que tanto me empenhei em criar.
Sejamos claros, façamos o melhor, doação constante implica em transparência para com nossa vida, nossos valores profissionais e pessoais.

terça-feira, 23 de junho de 2009

Identificação

Existe um padrão.
Uma relação de costumes x identidade.
Esta semana divulgou-se muito mais sobre terceiro setor.

Com a falência do estado, o setor privado começou a ajudar nas questões sociais através das inúmeras instituições que compõe o chamado terceiro setor, ou seja, ele é constituído por organizações sem fins lucrativos e não governamentais, que tem como objetivo gerar serviços de carácter público.
Inúmeros projetos e tantas organizações envolvidas em cooperatividade, fala-se pouco em conclusão fundamental, criar uma identidade que de fato fale mais alto em nome daqueles que estão dentro deste contexto globalizado.

Estamos diante de um cenário otimista com relação a projetos e trabalhos terceirizados, muitos profissionais em busca de uma oportunidade, mostrando e querendo aprimorar seu conteúdo, correndo atrás do prejuízo mercadológico.
Neste momento onde o terceiro setor aquece o terceiro mundo, precisamos destacar uma outra opção, novas imagens e palavras para reaquecer o mercado.

É ai que entra o chamado improviso. Se organizações giram o mercado com ações beneficentes, valorizam o ser humano pelo ser, entremos com um trabalho capacitado para criar um mundo a parte daquele que estamos acostumados a enfrentar diariamente na coluna de empregos.
ONG'S, INSTITUIÇÕES, MERCADO! é urgente e necessária a renovação de profissionais, novas idéias que movimentem a redação criativa e publicitária. A mesmice atrapalha, dificulta o movimento central, empoeira o pensamento e cega a alma, a mesma que cria e resgata.

Identificação, palavra que encerra o artigo e abre uma porta para novas resoluções.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Movimento Central

Não importa o quanto você queira fazer algo, se você não colocar toda sua energia, nada acontecerá.
De certa forma o movimento central que controla sua vida está associado ao que você quer de verdade passar. Seja em sua profissão, sua postura como pessoa, o que vale no final é o seu entusiasmo, roda que mantém o sistema funcionando.

A peça que quero conectar hoje é o da comunicação, a minha com o mundo, o seu mundo.
Outro dia estava lendo um folhetim que circula aqui no meu bairro e me deparei com uma frase:
" Se você parou e prestou atenção ao que está lendo, então de certa forma fez seu mundo sair do lugar". E não é mais ou menos por ai?

A boa comunicação interfere em alguns bons sistemas próprios: comodismo, realidade, imaginação, tristeza, felicidade...e por aí vai, o melhor de tudo isso é ter a opção como alimento. 
Se você pretende mesmo seguir em frente com qualquer coisa, precisa estabelecer metas e cumpri-las intensamente, pois o mundo não para de girar apenas porque você decidiu tomar o caminho mais fácil, o diferencial está em não se limitar nunca. 
Hoje é sempre um bom dia para começar a pensar e ver coisas diferentes. Um bom livro, um filme, uma exposição e principalmente compreender boas mensagens dos nossos patrocinadores...se é que me entende.

Centralizar, focar, movimentar!.

Passe adiante suas dúvidas, compartilhe resoluções, descubra pensamentos, cultive sua excentricidade, ela faz parte, afinal sem ela, você apenas seria um ser humano normal, e nesta vida, quem nasceu para ser normal?
Vivência aos 30 é querer demais.
Por hoje é só.

domingo, 14 de junho de 2009

Você não foi selecionado

Obrigada por perguntar, mas não há vagas.
Essa é uma resposta que frequentemente escuto e leio nos últimos meses.
A procura por uma oportunidade no mercado tornou-se uma dúvida interminável, qual a postura ideal, a ferramenta correta, a fala certeira?
Eu tenho um diferencial, tenho uma postura que me coloca a frente de outros candidatos: eu sei me comunicar. O talento é aquilo que nos diferencia, mas em mundo lotado de pessoas ávidas por um emprego, qual será então o meu trabalho?

Tenho lido muito, pesquisado bastante sobre carreira, perfil profissional, comunicação dirigida, mas ainda não descobri a minha real teia de opções tangíveis. Aliás, ao contrário, me assusto com o rumo que as coisas estão tomando, me vejo um pouco distante deste mundo corporativo. Não me faltam argumentos e uma boa bagagem.

A boa comunicação como forma de expressão é um diferencial, a maioria apenas escreve sem saber ao certo onde quer chegar ou a quem atingir. Escrever bem implica saber vender um produto, uma idéia e principalmente um conceito, sua própria imagem.
Em cada palavra existe uma exclamação de quem está por trás, as linhas se tornam muito mais que um instrumento, se torna o sentido de uma história como profissional.

Então toda vez que você estiver lendo uma matéria, um artigo ou apenas um recado deixado em qualquer meio de comunicação, lembre-se de visualizar a pessoa e não apenas o conteúdo, pois as vezes esquecemos que por trás de um recado bem dado esta uma pessoa que quer passar mais que uma boa idéia.
 
" Para mim não existe diferença entre a literatura e a vida. A literatura foi o caminho que eu encontrei para enfrentrar essa bela tarefa de viver ".
Ariano Suassuna

sábado, 13 de junho de 2009

Outra vida


Você quer ir além?
Comece a ouvir a voz que murmura dentro de você, ronda seus ímpetos e quer determinar suas ações.
Você realmente pensa em seguir algum caminho diferente em sua vida?
O quanto você se doa a para que isso aconteça de verdade?

Existem coisas que estão além de nossa compreensão e muitas vezes distantes de nossas mãos.
O destino prega algumas peças engraçadas, peças que não sabemos como encaixa-las.
Tudo se torna tão igual, a mesmice pode torna-lo um fantasma de sua própria vida. Talvez por isso as pessoas falam das sombras que podemos causar na maioria do tempo.
Não existe bola de cristal que possa prever os passos que devemos tomar, ações que devemos ter, caminhos que devemos seguir, mas uma coisa é certa: Somos donos de nossa própria vida na maioria do tempo e isso só já nos possibilita sermos mais do que estamos acostumados.
Ser, diretamente ser.

Não podemos ser estranhos a nossa própria existência, se é que me entende.
O que quero passar adiante hoje é a importância de escutarmos nossos sonhos para que mais tarde eles não nos atormentem e se tornem uma barreira pessoal.
Não deixe que o dia de hoje se torne apenas mais uma tarde olhando para o relógio contando os segundos que não passam enquanto você começa a imaginar uma outra vida repleta de acontecimentos bacanas, que hoje não passam de sonhos ou peças que não se encaixam.

Você precisa mesmo se doar, comece a separar alguns minutos para fazer algo que realmente vale a pena por e para você. Isso inclui fazer novos planos, afinal, a vida não para e você precisa seguir adiante com um alternativa que o tire do lugar.
Não puxe o freio de mão, não deixe de acreditar em sonhos, não se julgue o tempo todo.
Permita-se em um determinado momento deixar o sol bater em seu rosto e sentir uma brisa energizante, pois os pequenos sinais estão onde se menos espera. 
E se você precisa de razões para explicar algumas coincidências que a vida lhe apresenta, eu volto a dizer:  deixe a vida lhe apresentar algumas boas surpresas, não tente desvendar os mistérios.
Respeite e siga em frente, você saberá de uma forma ou outra o que aprendeu.

A felicidade é um caminho de mão dupla, você precisa apenas traçar a rota que quer seguir.