sexta-feira, 8 de maio de 2009

Espaço


Você é dono do seu espaço.
Existem inúmeros significados para o espaço a qual você pertence.

Já dizia meu pai que com a liberdade vem também grandes responsabilidades. 
Cada um sabe o alcance de seu espaço, seu próprio tempo.
É importante que saibamos tomar conta de nossos propósitos, saber exatamente onde se deseja ir, para onde e porque. Localização tem um fundamento.
Em paralelo criar um plano, direcionar sua força, seu pensamento, estabelecer metas, traçar uma rota.
Se o seu plano é apenas sair por ai, ver o mundo, não tenha medo de ousar, mas para isso faça uma reserva de dinheiro, compre um guia, prepare sua mochila. não a encha demais, deixe espaço para as surpresas que você certamente encontrará no caminho.
Os maiores planos pessoais são aqueles que surgem quando não os buscamos, eles sabem quando precisaremos deles, não se confunda.
Se você deseja de verdade alguma coisa, acredite e siga em frente com seus ideais. 
Cada pessoa tem seu espaço garantido, saiba diferenciar os sinais que a vida lhe apresenta.
Cultive suas crenças, respeite-se.

Explore seu universo interior antes de procurar lá fora a resposta que pode estar dentro de você. Frutifique seus pensamentos, dê vazão ao saber, afinal, seu espaço pode ser maior do que você suspeita ou crê. Ainda há lugar, sempre haverá.

As vezes o tempo nos sufoca, ele não para. Certamente, em algum momento da vida, você se pergunta, se questiona se tudo está girando no seu mundo. Não se esqueça que você faz parte de um todo, você esta compartilhando seu espaço com outros que certamente o cultivam. Sejam eles amigos ou não.
O importante é realizar algo positivo sempre. Lembre-se: toda ação gera uma reação.

Na vida o que importa é o que podemos fazer para torna-la um local de utilidade, frequência e sequência, corpo e alma, razão e sentimento.
Para fazer dar certo o principal é correr atrás dos seus ideais, idealizar sua vida. Feche os olhos por alguns instantes, se você não ficou zonzo com o som do seu silêncio, então inebrie-se com o barulho de seus pensamentos. Eles devem estar a procura de um motivo para sair do escuro e conhecer o mundo, o qual você preparou com toda sua incerteza e dúvida.

Posso lhe dar algumas dicas para você encontrar seu espaço:
A primeira lição é colocar na balança o limite entre a preciosidade do desconhecido e a razão do freio da sua vida. 
Em segundo: pesar seu interesse e a euforia em conhecer outras vidas que poderão contribuir com o seu crescimento. 
Em terceiro e não menos importante: Continuar seguindo em frente, não mais parar.
A beleza do novo é justamente isso: Ter a oportunidade como uma grande chance.

O espaço é um pedaço de papel em branco, onde os capítulos da sua vida podem ser escritos com outras palavras, outros significados. 
Eu creio no espaço humano, na vida. 
Força vital que me faz seguir em frente, sempre. 

Um comentário:

  1. Querida, passei aqui prá dizer que deixei um selinho bem "maneiro" prá vc lá no CARROSSEL...
    (www.bcarrossel.blogspot.com)

    Beijo grande e boa semana,
    Clau

    ResponderExcluir

Deixe seu registro...